Vereadores encaminham “denúncia e solicitam providências” a empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU)

Os vereadores desta Casa de Leis, encaminharam um oficio a EMTU denunciado a má qualidade e deficiência dos serviços que vem sendo prestado pelo consórcio UNILESTE, empresa que realiza o transporte intermunicipal na região.

São diversos descontentamento e reclamações dos munícipes que chegam até os vereadores com frequência, dentre eles, vejamos: a falta de cobrador que resulta numa viajem mais demorada, além do risco, pois muitas vezes o motorista recebe as passagens com o veículo em movimento, causando ansiedade e temor nos passageiros, a redução de coletivos circulando entre as linhas e também a falta de distanciamento mínimo e higienização adequada exigidos pelos órgão de saúde e protocolos sanitários, visto que estamos passando por enfrentamento a pandemia causada pelo vírus COVID-19.

Em 01 de março os nobres vereadores junto com o prefeito Inho Taino e o Diretor da Defesa Civil Fábio Rogerio Barbosa que responde pelo Departamento de Trânsito receberam o Sr Nelson Belon, gestor da empresa UNILESTE, e colocaram em pauta essas questões, para que fossem solucionadas com urgência, porém, o mesmo de forma grosseira informou não haver irregularidades alguma nas linhas que transitam no município e que os protocolos sanitários são todos cumpridos.

Certos de que a EMTU, empresa pública, administrada pelo Governo do Estado de São Paulo, através da Secretaria de Estadual de Transporte Metropolitanos, não ficará inerte com o que solicitada.

Os vereadores irão interceder até que haja a solução dos problemas.